jusbrasil.com.br
21 de Outubro de 2017

Vivo foi condenada ao pagamento de R$ 15.000,00 por danos morais por chamar "chata maior de todas"

Rodrigo M. V. do Amaral, Advogado
há 11 meses

Uma cliente, insatisfeita com o serviço prestado pela Vivo, ligou para a central de relacionamento para tentar resolver um problema.

Após o longo telefonema, a cliente entrou em seu perfil on-line da Vivo, para verificar se o problema havia sido resolvido. Foi quando a cliente se surpreendeu com os seguintes dizeres:

"bom dia, Chata maior de todas"

Vivo indenizar cliente chamada de chata maior de todas

Inconformada, a cliente ingressou com uma ação de indenização por danos morais, que tramitou perante a 9ª Vara Cível do Foro Regional de Santana (SP) sob o nº 1003299-09.2016.8.26.0001.

Em sua peça de contestação, a Vivo se limitou a alegar que tal conduta não seria capaz de causar um dano moral, tendo em vista que ficou restrito ao conhecimento da cliente.

Note que a Vivo não negou o ato de seu funcionário, mas tão somente defendeu que tal ato não seria capaz de gerar dano moral por não ser de conhecimento de terceiros.

A Vivo foi condenada ao pagamento de R$ 15.000,00 em primeira instância. Decisão que foi mantida pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

Processo nº 1003299-09.2016.8.26.0001.

1 Comentário

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

....verificaria simulação, ontem uma sentença de danos morais fixou em apenas R$ 1 mil a indenização por queda provocada por mal sinalização de local com defeito no piso.

Cobranças indevidas, em horário comercial e em local de trabalho ensejariam indenização igualmente por se tratarem de violações similares, porém o patamar deve ser verificado pois não existe a possibilidade jurídica de enriquecimento ilícito por danos morais. continuar lendo